Páginas

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

O que os números dizem sobre o nome do bebê

Aqui, na 25ª semana
Nem sei se oficialmente tenho esta opção, mas penso em duas possibilidades de nomes para meu filhinho. João Augusto poderá ser Wisnievski de Oliveira ou Wisnievski Oliveira. E se essa tal de numerologia funcionar, teremos aqui dois perfis de criança bem diferentes. Andei pesquisando na internet (ade não! rere) e vejam comigo:

Se ele se chamar João Augusto Wisnievski de Oliveira, seu número será o 7 e, segundo o site Top Baby da Uol:

Nasce um adulto: "Natureza intelectual, facilidade para aprender, gosto pelo estudo". Bom! Muito bom!. É "Pensador, observador, sempre atento a tudo o que acontece e tem uma vida interior muito rica, preza o silêncio e a quietude". Vai ser comportadinho então pra facilitar a vida da mamãe! "Pode ficar um bom tempo sozinho, no quarto, concentrado em seus brinquedos". Viu só, que fofura? "Gosta de um ambiente arrumado, fugindo do barulho e da agitação". Também adoro gente organizadinha e não sou muito do barulho. "Ama a natureza e os animais". Ah mas vai amar independente do número! "Normalmente obediente e educado, tem incrível sensibilidade para distinguir o certo do errado e se ressente demais com as injustiças. Na fase adulta, será um perfeccionista, defensor do respeito e da privacidade". Lindo né? Com o número 7, meu Joãozinho vai ser o oposto das piadas de Joãozinho e mostrar maturidade desde criancinha. De acordo com o site, ele seria bom profissional como cientista, professor, escritor, horticultor, inventor, advogado, ator, psicanalista, líder religioso ou atividades ligadas ao ocultismo. Tá. Bacana. Mas ele vai ter teeeeempo para decidir.


E quanto à outra possibilidade? Se ele não tiver o "de" antes do Oliveira, que personalidade teria conforme a numerologia do Uol? (veja a que ponto chega esta mãe... só falta eu consultar um tarô pela internet, rarara). Sem o "de", Joãozinho seria número 3, que tem:

Talento de artista: "Conquista a todos com seu encanto natural e não precisa se esforçar para chamar a atenção". Oooooh que graça, um palhacinho. "Nos primeiros anos, mostra-se tímido ainda mas, aos poucos, desenvolve uma grande autoconfiança". Muito bem! "Mesmo que em alguns momentos pareça dispersivo, na verdade é muito observador e registra tudo o que se passa à sua volta". Tipo a mamãe! "Tem o dom da criatividade e usa desenho, teatro e pintura como formas de expressão". Amei! "Inimigo da rotina, está sempre buscando o novo. Aprende com facilidade. Vive cercado de amigos e adora brincar com eles no quarto". Assim, meu filhote seria então o mais simpático da turminha, o popular... Quanto às profissões, ele seria bom como "orador, escritor, ator, pintor, músico, humorista, produtor cultural, cabeleireiro ou vendedor". Bom também né?

E então meninas? Se eu pudesse escolher (ainda não vi a questão legal. Vai que o "de" é obrigatório porque o pai carrega, sei lá) e se eu acreditasse realmente em numerologia a ponto de tomar uma decisão pautada nela, optaria por um provável bebê comportado ou por um peraltinha danado? Pensando bem, os dois números descrevem a personalidade dos pais. João está mais perto do 7 e eu do 3.

É engraçado fazer este exercício porque embora eu não acredite tanto assim, a ponto de achar que meu filhote terá sua personalidade definida pelos números relativos ao seu nome, é oportunidade de refletir sobre como quero educá-lo, de quais influências dar a ele, de como tentar moldar seu comportamento na rotina. É importante pensar se quero este menino super educado e meticuloso em suas atividades, ou se quero estimular nele dons artísticos com menor rigor na disciplina. Ou se posso tentar as duas coisas ao mesmo tempo. De todo modo, acredito que ele já tem uma personalidade  mesmo aqui dentro da minha barriga, influenciada por inúmeros fatores: desde meu DNA mesclado ao do João pai, a interferência do meu humor durante a gestação e o que ele é por essência, o modo como ele já foi projetado antes de ser um bebezinho... projetado por Deus. Ou ainda, o que já foi em outras passagens por este mundo. Depois ainda terá uma vida inteirinha de interferências positivas, negativas ou simples interferências para se associar e formar sua identidade.

O certo é que será João Augusto, nome que tem uma força grande e que não foi escolhido aleatoriamente. João significa 'agraciado por Deus' e Augusto quer dizer 'o sublime, o venerado, o máximo'... como ele né?! rerere. Então terei um menino agraciado por Deus e que é o máximo! Tá ótimo! #supimpa


Sapatinho foi presente da Bianca! :-)
Desde criança, na minha imaginação os nomes dos meus filhos seriam Beatriz e Bernardo. Continuo gostando de Beatriz, no entanto chegamos a pensar em Luíza se fosse menina. Mas quando soube que era menino, optei por Augusto e o papai concordou. Isso porque duas  amigas queridas tiveram bebês há pouco tempo e eles se chamam Bernardo. São os lindos filhos da Bianca e da Dani Novak, umas gracinhas. Nada contra repetir, mas o fato é que esse tal de Augusto entrou na minha vida de repente e não me deixou dúvida.

 É o nome que meu filhinho quer ter. Eu estava lendo um livro que indica roteiros de viagens. Já estava grávida e não sabia. Quando li sobre um hotel em Roma, onde o imperador Augusto costumava hospedar-se, parei no nome. Repeti. Prestei atenção e disse baixinho: "que nome bonito, como foi que nunca percebi?" Duas semanas depois eu soube que estava esperando meu Augustinho.

O João veio por interferência do pai (óbvio né? rerere). É minha homenagem ao homem mais lindo do mundo que me concedeu este privilégio de ser mãe. O argumento dele é que Augusto começa com a primeira letra do alfabeto e com isso nosso filhote seria o primeiro da chamada, o primeiro a fazer a prova oral, o primeiro a chamarem no Exército... e eu fiquei imaginando ele sempre no primeiro lugar da fila... Deve ser entediante, rararara. Tá bom papai! J é a décima letra e esta é uma boa posição.

Foi assim que nosso filhinho ganhou nome e já tem dois números de personalidade. Agora, resta saber se será um 3, um 7 ou qualquer outro número lindo que trará a ele muita sorte na vida. No que depender de mim, será um gurizão abençoado ao cubo, saudável à quarta potência, 1/2 bagunceirinho, infinitamente feliz!

Vamos então à:
A Semana da Gestante! 
(lembrei do Lombardi dizendo "A Semana do Presidente" naquele quadro do SBT, ririri):

Nós tentamos!

- A saga do papel de parede: No último post falei sobre o quartinho. Neste sábado evoluímos! Papito e eu fomos a PG no sábado para lidar com pedreiro, compra de material de construção, orçamento da cozinha, box dos banheiros e outras coisinhas. Em mais uma passada na Balaroti comprometemos os salários dos próximos três meses (ui como é tudo caro!) mas finalizamos as compras. Agora nossa casa tem acessórios de banheiro, caixa de correio, pastilha na parede da cozinha, uma nova garagem, uma sala maior e um quartinho de bebê decorado! Comprei papel de parede xadrez em verde, lindo! Mais aquela fita de parede com o tema safari, cheia de girafinhas. Uma fofura.

Enquanto João instalava as luminárias, eu e minha sogrinha ficamos buscando resistir à tentação de abrir as embalagens do papel de parede.
- "Dona Sônia, o rapaz da Balaroti disse que é bem facinho. Faz a cola, passa no papel e põe na parede passando um paninho para tirar as bolhas de ar".
- "Ah mas então se você me autorizar a gente pode tentar"
- "Bora lá"

E lá se foram umas três horas de tentativas. Chamamos inclusive o apoio da Pereirona marida de aluguel Dani, que também se esforçou bastante. Quando a gente achava que tinha ficado lindo, apareciam mais bolhas de ar. E assim foi... até que deduzimos que precisamos de mão de obra especializada mesmo! rarara. Mas um dia João Augusto saberá que eu, sua vovó e sua titia nos esforçamos muito, persistimos para fazer do quarto dele o mais lindo do mundo. Valeu a intenção tá filhote!? Além disso, agora a vovó tá na maior empolgação vendo cortinas, acessórios de banho e troca, lembrancinhas e objetos de decoração. Ela adora isso e deve estar se divertindo. Eu agradeço! #ufa

A festa também era de safari!
- Aniversário do Rômulo: o pequerruxo da Carla fez um aninho e eu e João fomos a Curitiba para festejar. Tava tudo lindo e delicioso, especialmente ele, com os cabelinhos espetados. Um fofo! Aproveitei a viagem para passar na casa da vó Francisca (tem 92 anos) para mostrar as fotos do casório. Encontramos os tios e primos. #saudades

Ainda passamos na casa da Mirian, minha amada e eterna Mimi, que foi com a gente para a festinha. Ganhamos um maravilhoso aparelho de jantar e enxoval do bebê. Uma fofurinha: toalha de banho, coeiros e fraldas. Coisas que eu não tinha ainda. Obrigada Miiii! Amei também o conjunto de prato, talher e canequinha de prata que ela me deu. Relíquia de família. Me senti tão especial. :-)

- Recebemos as fotos! O ensaio que fizemos em 23 de dezembro agora está conosco. O impressionante é como a barriga cresceu em um mês. Ali eu estava de 25 semanas, agora tô na 29ª e bem maior. Por enquanto, dos 130 cliques, escolhemos oito fotos para ampliação. São, entre outras, estas que estão aqui e que foram disponibilizadas pela Fabi Guedes num CD. Depois que o bebê nascer, teremos mais sete fotinhas dele numa nova sessão.

- Fui ver meu padrinho na UTI. A situação é muito grave. Hoje ele teve nova parada cardíaca e o tratamento da infecção não está evoluindo com os antibióticos. Uma tristeza muito grande para todos da nossa família, que é super unida. Meus tios e minha mãe praticamente ficam morando em frente ao hospital para esperar as três visitas rapidinhas permitidas por dia. A gente olha pra ele lá do vidrinho, de longe, mas sabe que ele sente nossa presença. Quando alguém entra no leito e toca nele, o coração dispara. Todos juntos estamos em corrente de oração, em várias religiões e crenças, para que tio Carlos saia logo dessa.

Quanto ao videozinho do dia, lembram da supermãe de quadrigêmeos de Taubaté? Tão dizendo que é fake. A Record divulgou hoje que a mulher pode ter inventando a gestação e que o médico nega a gravidez dela. Que coisa não? A barriga bem que está esquisita. Olha só:



Beijinhos! Até breve amores!

6 comentários:

  1. ai Manu eu ri com o post, independentemente da numerologia e o nome, ele será muito amado.

    ResponderExcluir
  2. Amei tudo, se for 3 ou 7... Deus sabe todas as coisas, o melhor é fazer aquilo que seu coração manda, não fugirá do 7 pq meu irmão é tudo aquilo que diz sobre o número 7 e não fugirá do 3 pq você é mais parecida com o 3, conclusão... ele será o João Augusto, presente de Deus, com sua personalidade única que será uma mistura do Papai e da mamãe! amooo!! Quanto ao papel de parede, não consigo saber se é melhor passar a cola no papel ou na parede... ou quem sabe nos dois e deixar os tais 3 min...Vai saber! As maridas não deram conta. Manda outra coisa aí pra eu fazer.... bjs titia Dani

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim Daniii! Acho que na pintura da parede a gente se dá melhor! rerere

      Excluir
  3. Suspeita a falar.. Pq sem o DE fica bem mais lindo.. E o número 3 é definitivamente. Um número excelente.. Minha sogra acredita muito e numerologia e sempre fala q o 3 é bem bom... Mais em todos os casos... Ele vai ser sempre um menino lindo lindo e muito amado e isso vale mais do que mil números mágicos! Bjoosss

    ResponderExcluir

Comenta aí que a mamãe fica faceira! E volte sempre, a casa é sua! :-) Ou me mande um e-mail: emanoellew@gmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...