Páginas

quarta-feira, 2 de maio de 2012

A cólica sem Funchicórea

Ai ai ai

Agora é definitivo! O famoso pozinho da paz para os bebês não teve o registro renovado pela Anvisa. A Funchicórea saiu do mercado deixando órfãos milhares de papais desesperados com as cólicas de seus bebês. Eu sequer experimentei o pó milagroso mas sei bem o que representa o sofrimento de um filho com a sem vergonha da danada da cólica.

Porém... Para tudo dá-se um jeito na vida e (que a Anvisa não me descubra) em breve teremos o pó de erva-doce, chicória e ruibarbo em mãos para tentar amenizar a sessão 'ai ai ai' do Joãozinho, que está cada dia maior. Graças a este canal e às mamães solidárias deste Brasil varonil, meu apelo será atendido.

A Rafa Kuhnen tem um fundinho do pó que era da Gabizinha e vai me mandar diretamente de Belrizon Belo Horizonte! Uai de chique né? E a Mery Ribeiro, que é do interior de São Paulo, também vai salvar a vida da mamis aqui mandando por correio meio pote de Funchicórea que era da Raquelzinha. Uuuufaaa! Deposito minhas esperanças nisso, amigas. E também num remedinho que promete ser milagroso, indicado pela Isabella B. de Magalhães, gravidíssima da Valentina e já precavida. Ela conhece alguém que trará de Pirassununga uma fórmula inventada por um médico assediadíssimo - justamente porque parece ter conseguido a cura pra cólica! Deus abençoe!!!

Tenho fé que as dores do Joãozinho vão passar antes do terceiro mês. É uma judiação. Agora ele acorda às sete da manhã e só sossega perto do meio-dia. Tira sonequinhas curtas e em cada intervalo chora muito. Depois dorme como um anjinho e retoma a rotina. Inclusive já dorme mais que seis horas seguidas na madrugada. Mas às cinco da tarde acorda pra sofrer de novo e vai até as oito da noite.

Do blog Memezinho da Mamãe


É frustrante ser mãe e não poder fazer muita coisa. Eu já tentei de tudo. Além das gotinhas de Espasmo Flatol, dou o tal chá de erva doce com Atroveran, faço massagem com óleo, compressas quentes, ginástica, bicicletinha, coloco de bruços, nino, canto, danço... Até ceder e dar o peito pra ele mastigar. É ruim pra ele e pra mim, porque quanto mais suga o peito, mais leite toma, mais ar engole, mais dor tem. Fico animada com as dicas e mensagens de força que tenho recebido dos amigos, em especial da Fran Meira e do primo Reginaldo, pelo face. Ele já passou por isso com a Natália e sabe do que estamos falando.

Corta o coração da mãe...

No dia em que completou um mês de vida, meu filhinho não pôde comemorar muito. Depois de ter passado a manhã toda agitado com dor, quando finalmente adormeceu tive de levá-lo pro teste do ouvidinho. Até aí tudo bem, porque ele adora andar de carro. O pior veio depois: segunda dose da vacina contra a Hepatite. Até eu chorei!

Ele saiu aos prantos do postinho e nada no mundo o fazia parar de chorar. Dirigindo, tentei me concentrar no trânsito mas é impossível ficar insensível aos berros do meu filho. Estacionei e... dei o peito. Depois de 20 minutos ele pareceu mais calminho, coloquei de novo no bebê conforto e a lamentação recomeçou. Foi a viagem mais horrível da minha vida: do centro da cidade até a minha casa com o choro do meu filho, sem poder fazer muita coisa.

Depois, em casa, com um mamá de quase uma hora, se acalmou e finalmente adormeceu, cansado, exausto. Aí vieram os funcionários da vidraçaria instalar o box do banheiro. Maior barulhão com a furadeira e mais chororô. Foi um dia difícil viu?

Será que a Funchicórea teria ajudado? Adoraria saber. Fico pensando... depois de mais de 70 anos e tantas gerações criadas chupando bico com o remedinho fitoterápico, porque raios a Anvisa agora resolve tirar o produto das prateleiras? A justificativa é que não se comprova o poder medicinal do pó. Aaahhh Anvisa... vai fiscalizar silicone importado ao invés de se incomodar com um remedinho natural desses, poxa.

Na reportagem da Gazeta do Povo (Funchicórea perde registro da Anvisa), cita-se uma contraindicação: a sacarina. O produto tem adição de adoçante, que faria mal pro bebê. Mas e aí? Não tem como adaptar, mudar um pouquinho a fórmula? Sei lá... Já inventaram a cura pra tanta doença, remédio pra todo tipo de mal! O médico pediatra que atendeu nosso bebê disse que poderíamos usar, mas que seria muito mais um método para fazer o bebê pegar a chupeta que um remédio propriamente dito. Por mim... se pegar a chupeta e se acalmar, tá valendo. De outro modo, ele acaba indo parar no peito.

A mesma matéria tem informações bem interessantes sobre cólicas. Já li e ouvi de tudo: "a culpa é da alimentação da mãe", "a mãe pode comer de tudo", "o sistema digestivo do bebê não está completo", "é absolutamente normal chorar bastante até o terceiro mês", "é manha"... Mas a Gazeta traz um novo fator que me chamou a atenção. Pode ser que eu concorde com isso. Veja:


"Há ainda explicações comportamentais para a dor, segundo as quais o bebê fica agitado por conta da família e dos estímulos externos. “Como o leite é produzido por meio de substâncias presentes no sangue materno, alterações que provocam estresse podem aumentar a adrenalina no sangue e chegar ao bebê”, afirma Luci Pfeiffer, pediatra do Hospital Nossa Senhora das Graças e psicanalista de crianças e adolescentes."
 
Faz sentido, afinal eu estou a cada dia mais tensa, mais preocupada, mais culpada, mais nervosa. E nossa casa é um vuco-vuco só. 

A pediatra ainda acrescenta que funchicórea acalma mais os pais do que o próprio bebê. “Por ser doce, a criança aceita com facilidade, se tornando uma medida para acalmar os pais”. Pois então para mim seria bom. Eu produziria menos adrenalina e contaminaria menos o leite do meu príncipe.

E como é posso me acalmar com uma informação destas: "Nenhuma medicação que é indicada para cólica mostrou efeito significativo em crianças. A princípio não se indicam remédios para aliviar essa dor. Se ela for muito constante, os pais devem procurar o médico para saber a causa”, diz Pascolat.

Do blog Memezinho da Mamãe

Enfim... é minha vez de dizer "ai ai ai". De toda forma, seguem as dicas dos pediatras (vou continuar fazendo tudo isso, mas aguardo ansiosamente a chegada do meu contrabando, rere):


Quando o bebê tem cólicas, os pais ficam desesperados. Saiba como agir para aliviar a dor da criança.
Massagem abdominal: procure jogar as pernas do bebê contra o abdome e não recorra a cremes.
Movimento de bicicleta: assim como a massagem abdominal, mexer as pernas da criança como se ela estivesse em uma bicicleta contribui para acalmar as cólicas intestinais.
Bolsa de água quente: é outro recurso que ajuda a diminuir as dores.
Dimeticona: o remédio antigases só deve ser utilizado em último caso. Caso as cólicas estejam muito fortes, o correto é procurar o médico para a prescrição do remédio.

É isso aí! Pra não dizer que não falei das flores: sou cada dia mais apaixonada pelo meu lindo filho! Sofro com ele e por ele, mas juro que manterei a sanidade mental para dar a ele um leitinho com pouca adrenalina.

Beijoooos e até logo.

Manu

Tá frio aí também?

18 comentários:

  1. EEE hehe, amanhã tá nos correios... Essas cólicas são terriveis... Só Deus e meus vizinhos sabem o que eu passei com a Gabriela.. Beijos Manu!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vivaaaaaaaaaaaaaaa! Obrigada mesmo Rafa, do fundo do coração. Você é uma pessoa muito do bem! Beijo

      Excluir
    2. O gostaria de saber que remedio é esse milagroso para colica meu filho sofre demais e eu sofro junto com ele nao sei o que fazer me ajuda,ele tem crises de colicas que chora tanto ate quase perder o chorotem como vc me enviar um e-mail krolzinha-1985@hotmail.com aguardo a resposta desde ja agradeço

      Excluir
  2. Manu, meu sobrinho chorava demais no três primeiros meses de vida, era fome, foi trocado o pediatra e ele tinha fome porque o leite do peito não estava sustentando. Um beijo, eu amo seu blog, acho lindo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi queridaaaa! Tenho visto seu progresso na dieta. Que bacana viu? Ah, pensei também que poderia ser fome, mas acho que não. Tem dias que ele tá super bem e mama bem certinho a cada três horas. E na madrugada chega a passar seis horas dormindo, sem mamar. Acorda calminho. Tá engordando bastantão e eu tenho muito leite. Falam de leite fraco, mas acho que não é nosso caso. Além de chorar, ele estica as perninhas e se contorce todo. Aí quando faz cocô ou solta pum, dá uma melhoradinha... Pecado né? Obrigada pela companhia aqui flor. Qualquer dia a gente passa na CPS pra te apresentar a ele. Beijoooo

      Excluir
  3. A Maria Eduarda teve muita cólica e infelizmente foi até os 3 meses, mas o tal remedinho Funchicórea fazia um bem danado, isso há 12 anos atrás, td bem retirarem do mercado, mas deveriam ter substituído por coisa melhor. O choro constante realmente corta o coração da gente, eu imagino seu nervoso, nenhuma mãe consegue ficar tranquila e calma com seu filhote aos prantos e com dor. Graças a Deus as pessoas são solidárias e atualizadas e estão ajudando. Tomara Deus que isso passe logo. Fiquem bem. Bjs comadre Dani

    ResponderExcluir
  4. É comadre. O jeito é ter paciência e ir tentando de tudo. Hoje, graças a Deus, ele está super bem. Um beijo amore.

    ResponderExcluir
  5. Essa funchicória queima as papilas degustativas do bebê! É um veneno mesmo... Eu dei algumas vezes para meu pequeno mas quando descobri isso, nunca mais! E pelo menos pra ele não fazia muito efeito não... Então eu aderi ao paracetamol em gotas e o luftal. O luftal é ótimo tira bem o incomodo, e não tem problema de dá varias vezes ao dia, já o paracetamol também resolvia que era uma beleza, tirava toda a dor, só que não pode dá muitas vezes ao dia, eu dava de 8 em 8 horas ou quando a crise era mais crítica. Meu filhote nunca gostou de chá, não tomava nada, então não pude ir por esse caminho, minha salvação mesmo foi esses dois remedinhos, e deixa-lo de bruços nas minhas pernas ajudava as vezes.
    Mãezinha, essa fase é terrível mas logo passa, experimenta o luftal, e caso ainda não tenha tentado o paracetamol, esquece a funchicória, vc e seu bebê n]ao estão perdendo nada sem ela!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério??? oh my god! Justo porque tem funcionado. Vou evitar então... Paracetamol não costumo dar e Luftal (simeticona) não tem resolvido... Mas vamos lidando. Obrigada pelas dicas Thais!!! Beijoooo

      Excluir
    2. Pois é mamãe, a funchicória nunca foi registrada na verdade e, como disse, pro Davi pelo menos não ajudou em nada, era só a hora q ele sentia o doce que parava de chorar, 1 minuto depois voltava o chororô... o paracetamol eu dava 2 gotinhas inicialmente, depois aumentei para 4, em casa foi a única solução!

      Excluir
    3. Oi Thais... meu pequeno está cada dia melhor. Ainda faz uma manha, mas sara com uma dancinha pela sala e musiquinha do Pimpão. Tenho evitado a funchicórea, quando coloco é bem pouquinho só para acalmar mesmo. Obrigada pelo alerta. Ah, também passei a páscoa sem chocolate. rerere. Agora já consigo passar os dias sem tanta vontade, mas no começo foi bem difícil resistir. Um beijo. Vamos falando.

      Excluir
  6. Ah sim, outra coisa que fiz, cuidar cautelosamente da minha alimentação! Chocolate: NEM PENSAR! Tudo que tinha cafeína eu cortei, tomava suco de soja ( Ades), chás no lugar no café, soda no lugar da coca, nada de repolho, muita cebola na comida, enfim! Segui uma verdade dieta saudável e balanceada, o que ajudou muito viu, as poucas vezes que eu descuidava e tomava uma café ou chocolate, eu reparava que ele chorava mais depois de mamar.
    Boa Sorte para vcs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim... não como nada disso aí... Nem o Ades. Mas ele tá melhor, felizmente. Beijo pra vc e pro príncipe!!!

      Excluir
    2. Que bom!! Imagina só eu em plena pascoa sem poder comer chocolate? foi minha maior prova de amor!!! rsrs

      A tendencia é melhorar força ai mamãe!

      Excluir
  7. Isabella - Castro23 de maio de 2012 22:54

    Manu a Lívia ia chegar hj com o remédinho pro Joao e pra Valentina, mas ela descobriu que está grávida e tá enjoando de maaaaiiiissss, entao vai tentar vir semana que vem....vamos rezar pra que ela melhore e venha inicio da semana que vem...assim que ela chegar te aviso. bjs
    ISabella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns pra nova mamãe do pedaço então!!! A gente espera Isa! Fica surfe. Semana que vem acho que vou praí e se der passou conhecer tua princesinha e apresentar meu piazão pra ela. Quem sabe não começa uma linda história de amor? rererere. beijo

      Excluir
  8. Sei que os posts são antigos mas hoje no mercado já existe um substituto o funchoBaby que e a mesma composição, o nosso pediatra informou que poderia se utilizado igual espero ter ajudado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade... tem sim. Ainda bem né? Se bem que depois só é que descobri que o problema do meu filho não era cólica, mas refluxo. Por isso o chororô desatinado. rere. Obrigada pela dica. Beijo

      Excluir

Comenta aí que a mamãe fica faceira! E volte sempre, a casa é sua! :-) Ou me mande um e-mail: emanoellew@gmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...