Páginas

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Sete meses: uma penosa azul em minha vida


"Na mamãe, na mamãe um beijo. No meu pão, no meu pão, um queijo. O jardim, o jardim anda cheeeio de floooores... Ma ma ma ma, pa pa pa pa, qui qui qui qui, ca ca ca ca, Hey!"

Acordo de madrugada com esses versos martelando na minha cabeça. Levanto de manhã cantarolando e passo o dia todo repetindo as sílabas que são exatamente as que meu menino está aprendendo a falar neste momento.

Mas não se engane: não faço isso porque acho bonitinho ou pra estimular o João a falar. É porque essa desgraça de música cançãozinha linda, entre outras, não sai da cabeça messsssmo. Fica repetindo na minha ideia como se não houvesse mais nada no mundo pra pensar.

Ainda vou enlouquecer e ser internada numa "casa de repouso" e passar dias repetindo "Ma ma ma ma, pa pa pa pa, qui qui qui qui, ca ca ca ca, Hey!" ou qualquer uma das musiquinhas viciantes da dona Galinha Pintadinha! Duvida? rerere.

Começou com "O pescoço da girafa vai do chão até o céu". Passou para "Um indiozinho, dois indiozinhos... no pequeno bote". E agora é o "ca ca ca" que faz eco aqui dentro.

E a culpa é de quem, de quem, ã? Minha, só minha!

Achou que eu culpar a Galinha Pintadinha né? rarara. Ah, mas quem manda eu deixar o DVD rodando inclusive quando João tá no quarto dele dormindo? (Às vezes esqueço de tirar do ar).
Penosa azul que enfeitiçou meu bebê
E olha, venho tentando variar. Ele até gosta de Backyardigans, assiste Charlie e Lola e quase não presta atenção no Baby Einstein, mas o que funciona na hora de dormir é Galinha e ponto final. Quando tá com soninho, coloco ele deitadinho e deixo o DVD bem baixinho até ele adormecer de vez. E ele fixa o olho na tela como se aquilo fosse a coisa mais interessante do mundo. Quando acaba e o DVD vai pra tela inicial então... ele chora até eu dar play de novo. Juro! Desse tamanhico e já sabe reclamar! Pode?

Claro que me preocupo com o fato de ele ficar olhando pra TV muito tempo e por isso administro isso distraindo ele com mil brincadeiras o dia todo longe da tela. E é até interessante porque quando tem outra coisa passando, ele nem olha. Agora... põe a Galinha lá... Nem pisca. Eu chamo e ele me olha de canto, sem virar a cabecinha, pra voltar correndo e não perder a musiquinha, como se fosse inédita. Da programação normal, ele só presta atenção quando passa a propaganda do tal Gummy Bear. Vou ter que pesquisar isso aí.

É a tal coisa... cospe pra cima que cai na testa! Antes de ser mãe, eu pensava em não expor o bebê à TV. Agora, preciso fazer papinha, lavar loucinha e até ir ao banheiro de vez em quando, coisas que não dá pra adiar pra quando ele estiver dormindo, e então a Galinha vem bem a calhar. Para completar, ele ganhou uma galinácea de pelúcia da dinda Dani que toca a musiquinha. Festa completa!

Amor incondicional!

Adorar a penosa azul é só uma das atividades do meu pimpolho que amanhã completa sete meses de muita saúde e alegria. Ele está agora na sua fase mais divertida e eu amo cada dia mais acordar do ladinho dele com aquela carinha meiga, sorrindo - e me chutando, batendo na minha cara, puxando meu cabelo e tentando arrancar meu nariz!


Alegria sem fim!

João tá danado! Super esperto e agitado. É uma criança simpática e sorri com muita facilidade. Gargalha até de me ver fungando. Qualquer coisa é motivo de riso. Tá lá brincando com alguma coisa, sentadinho no colchão, olho de longe, ele me olha sério, sorrio e ele arreganha o gengivão inchado pra mim. Não é uma delícia? Enche meus dias de luz, e minha vida de cocô, mas é uma delícia.

Pra vir aqui registrar suas peraltices, andei anotando num bloquinho que fica sempre por perto. É tanta coisa fofinha que ele faz, e que toda criança faz durante seu desenvolvimento, mas que quero que fique na memória (através do blog, que seja) pra sempre.

Por exemplo: ele agora está com aquela mania de jogar as coisas no chão para ouvir o barulho que faz e ver a mamãe catar. Enquanto come sua papinha, deixo um brinquedo em sua mão e cato ele do chão no mínimo umas dez vezes. Ele solta e estica o pescocinho pra olhar onde foi parar. Uma graça. A coluna da mamãe agradece também, rere.

Vai tudo pra boca e pro chão!

Ainda sentadinho no cadeirão, como fica amarrado, quando quer enxergar alguma coisa fora do raio de visão, se torce todo e deita a cabecinha na mesa. Acho isso de uma fofura sem tamanho.

Eu pensava que choro de birra só vinha depois que anda e entende das coisas, mas que nada. O senvegoinha da mãe aqui faz uma pirraça muito linda, que acaba em riso sempre. Quando tiro da mão dele alguma coisa que gostou, quando limpo o nariz com cotonete, quando quer ficar em pé e coloco deitado, quando se irrita com alguma coisa, estica os bracinhos e dá um gritinho de bravo! Uma graça.

No mercado, outro dia, deixei o bloquinho com a lista dando bobeira no bebê conforto e quando vi já tinha papel na boca dele. Tentei arrancar o bloquinho das mãos e ele segurava firme, fazendo cara feia, até chorar quando perdeu o brinquedo. Foi birra em público, que precoce né? auhauah. A moça da feira me deu a ideia de encher um saquinho plástico como se fosse um balão e ele adorou brincar com aquilo. Agora toda vez que vou a um restaurante, encho o saquinho onde vêm os talheres embalados, e deixo ele brincar até estourar. É uma distração e tanto.

Os brinquedos favoritos são sempre os objetos que não são brinquedos. Embora ele adore os eletrônicos com musiquinhas, carrinhos de plástico, controle remoto, mordedores e chocalhos, o mais gostoso mesmo é papel de presente, além de garrafinhas pet, pote da cozinha e almofadas. E quando deitadinho, ele pega tudo com os pés também. Vai jogando pro alto até alcançar com as mãos.


Começou a fazer movimentos de bater palminhas. Mesmo sem saber o que são palminhas, bate as mãozinhas fechadas. E adora quando cantam parabéns ou quando aplaudem suas artes.


Tomou fermento

João cresceu muito. Me pego surpresa quando vou buscá-lo no berço e vejo o tamanhão do meu homenzinho. Tivemos consulta com a pediatra nesta semana e ele está com 8.715 kg e 70 cm. Faltam só 4 cm para ter o tamanho de uma criança de um ano! Os dentinhos agora sim estão despontando. A gengiva já começou a dar sinais de que vai abrir e, mais que antes, agora tudo vai pra boca. Ama quando esfrego meu dedo na gengiva até fazer barulhinho.

Está tão fofinho, mais gordinho, que agora sim é bom de beijar e apertar muito. Eu acho que até judio dele de tanto que beijo, faço cócegas e aperto. E ele racha de rir quando faço cosquinha nos pés e debaixo dos bracinhos ou quando dou mordiscadas nas perninhas e na barriga. Deu muita risada quando bati um brinquedo dele na minha cabeça e disse "ai ai ai". Repeti isso muitas vezes ao som das gargalhadas do meu sádico-mirim. Outra coisa super engraçada, pra ele, são meus dentes. Ele passa a mãozinha nos meus dentes e ri. Ah e ri pro espelho também. Ele ri o tempo todo, na verdade. 
Aprendendo a se arrastar
Está sentando bem mais firme e aos poucos aprendendo a gostar da posição que vai levá-lo a engatinhar. Tem um pouco de medo quando vai pro tapete, acho que não gosta da textura, sei lá. Mas roda no próprio eixo, de bruços, como se fosse ponteiro de relógio.


Diga lá, João!

Outra característica divertida desta fase tem sido a descoberta do seu potencial vocal. Aprendeu a gritar e vive dando show de ópera agora. kkk. Ah, de modo especial quando eu ligo secador de cabelo, liquidificador ou aspirador de pó. Aí é que ele grita mais alto. Um sarro.

Aprendeu a abrir o velcro da fralda e se diverte fazendo isso tooooooda vez que troco. Preciso pôr rápido o calção pra segurar a fraldinha. E distraio a atenção oferecendo minhas mãos para ele se agarrar e fazer força pra levantar. É assim que ele fica em pé rapidinho. Adora brincar de cavalinho no meu colo e quando paro, ele mesmo se impulsiona batendo com as mãozinhas nos meus ombros.

Quando estou ao computador com ele no colo, fica batendo no teclado sem parar e, obviamente, não posso digitar nada. (Não conte pra ninguém, mas eu até salvei a primeira coisa que ele digitou, um monte de letras desconexas. Desconexas como esta mãe dele kkk)


Assistindo o quê? O quê?

Tarde refrescante

João sua muito na nuca e nos pezinhos. Dra. Tiyoco disse que é hereditário e não se tem muito o que fazer. Também, com o calor que tem feito, até eu! E pra refrescar, nada como um banho de piscininha!!! Foi o que fizemos ontem, que a vovó Sônia veio passear aqui e aproveitamos para botar o garotão pra tomar sol e estrear a sunga.

Ele A-DO-ROU! Ficou empolgadíssimo na água, batia as mãozinhas, tentava agarrar os brinquedinhos lá de longe e se agitou tanto até ficar exausto. Saiu da água, papou uma frutinha com os olhinhos quase fechando e dormiu sozinho no berço, de bruços, largado, sem Galinha, sem nada. Foi uma tarde deliciosa.

Lindo até com o óculos ao estilo "Leleco"

Trinta-e-um

Outros acontecimentos importantes marcaram o período, como o meu aniversário! Tive meu primeiro ano de balzaquiana e posso garantir que foi o melhor da minha vida. Agora tenho 31 e estou amando esta etapa, a mais importante com certeza.

Para comemorar, festa surpresa... ou quase surpresa! João pai não se aguentou e cedeu à minha desconfiança, me contou tudo. auhauah. Então, recebi minha família e amigos em casa para celebrar com bolo de sorvete (delícia), docinhos (camafeu, amooo) e salgadinhos. Obrigada querida cunhada Dani que organizou tudo!!!
Com minha sobrinha Isabella, na minha festa "surpresa"
Eu e Joões ainda passamos uma tarde bem gostosa em família com a Dani e Duda no clube e mais uma vez a mamãe teve que dar um baile no papai na brincadeira do 21 no basquete (rá). E nos últimos dias temos feito sessão de filminho quase toda noite. Assistimos ao "Amor a toda prova", comédia romântica bem mamão com açúcar, do jeito que adoro, e recomendo.
Tarde no clube
Conseguimos este feito graças ao soninho do nosso menino, que está super reguladinho. Sonecas de manhã e à tarde e sono profundo a partir das 21 horas. Chama durante a madrugada mais umas duas vezes para mamar, mas agora tudo está mais fácil, rápido, sem tanta canseira noturna. Fase boa, como já disse! Pertinho da fase em que ele começará a engatinhar! Pelo que imagino, temos muitas alegrias e peraltices pela frente né?

A você que acompanha a vida do Joãozinho por aqui desde que ele foi concebido, meu muito obrigada e um convite: curta comigo esta linda, maravilhosa etapa que estamos vivendo. :-) E me conte como é ou foi aí, na sua casa... Tem Galinha Pintadinha até enjoar aí também?

Bom feriadão! Em ritmo de ma ma ma ma. cacacacaca!



Bolo de sorvete



dinda Dani









10 comentários:

  1. Acho que a dona Galinha pintadinha está na vida da maiorias das mães,aprender todas as músicas faz parte do pacote,depois que já estão maiores vai vim a fase de querer que vc dance com eles as coreografrias...hahahahahaha.Mas é tão gostoso ver eles se desenvolverem,crescerem,mostrar uma certa imdependência,porque chega um momento mesmo ainda pequenos que eles acham que podem fazer sozinhos,ai se nã dá certo vem o berro MANHEEEEEEE.
    BJS
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. auhauahua imagino tudo isso acontecendo em breve aqui em casa. Um beijo Silma, obrigada pelo mural lá no seu blog. Amei!!!

      Excluir
  2. O Felipe adora a Galinha Pintadinha dele!!! E ainda ganhou os livrinhos dela.
    Adorei as fotos!! :)

    ResponderExcluir
  3. Oi Manu, estou participando de uma brincadeira entre mamães e convidei vc para participar, se puder será legal!!

    bjss

    http://historiadeumamae.blogspot.com.br/2012/11/meme.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Passei lá e já tô pensando numas respostinhas pra participar também. Obrigada flor, Beijoooo

      Excluir
  4. Que fase maravilhosa gente! É a Galinha Pintadinha faz mais sucesso comigo do que com a juju aqui...rsrsrsrrs
    Beijos
    #amigacomenta
    http://www.soumaeeagora.com

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Parabéns pelo aniversário!! E parabéns pelo João que tá lindão!!!
    Cada dia mais esperto..hahaha.
    Adivinha qual musica eu estava pensando antes de ler seu post? "a dona aranha subiu pela parede".... kkkkk... aqui também sofremos desse mal (ou bem) da Galinha.. hahaha..
    Te convidei pra um meme la no meu blog.. passa lá.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Obrigada flor... vou tentar responder o memezinho. Achei bem legal, mas preciso de tempo pra pensar sobre tudo aquilo, rerere. Beijooo

    ResponderExcluir
  7. Disse tudo no vídeo: João seu lindão!!! E a gargalhada? Olha, a gente precisa mesmo de ajuda para fazer as coisas de casa. Joaquim sempre gostou muito da penosa rs.
    Bjs
    Fabi - Mulher e Mãe
    #amigacomenta

    ResponderExcluir

Comenta aí que a mamãe fica faceira! E volte sempre, a casa é sua! :-) Ou me mande um e-mail: emanoellew@gmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...